IMG_2648.JPG

Olá!

Bem vindo ao nosso blog. Aqui eu conto um pouco sobre minhas experiências dentro da Odontologia nos EUA e o Processo de Validação do Diploma de Odontologia nos EUA. Espero que você aprenda bastante!

Entrevista com o Dr. Christian Brutten

Entrevista com o Dr. Christian Brutten

            Esta semana eu tive a oportunidade de entrar em contato com um colega Dentista graduado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte que esta trabalhando em consultório particular no Estado do Texas na cidade de San Antonio.

            Eu encontrei o Dr. Cristian através do blog Profissão Dentista em entrevista ao responsável pelo blog Dr. Daniel Barbosa. Você pode encontrar a integra da entrevista clicando aqui.

            Dr. Cristian Brutten gentilmente atendeu-me ontem ao telefone onde tive a chance de me apresentar e contar um pouco do blog Dentista Brasileiro nos EUA. Dr. Cristian aceitou responder algumas perguntas que são frequentemente enviadas para mim.

Dr. Cristian você pode falar um pouco sobre o seu caminho desde sua graduação no Brasil ate sua chegada nos EUA?

Antes de fazer minha graduação na UFRN eu já tinha feito graduação na Yale University, o que me abriu a visão para o "mundo" Americano. Eu voltei para os EUA em 2008 para fazer um mestrado em musica na Azusa Pacific University. Ao mesmo tempo fui professor do departamento de dentistica operatória da University of Southern California. Em 2009 ingressei num programa de AEGD na University of Connecitut. Me formei em 2011 e apos a primeira residência fui aprovado para a minha segunda residência, em Odontopediatria, na Universidade de Harvard em Boston. Apos a conclusão da minha residência voltei para a University of Connecticut onde fui professor do Dept. de Odontopediatria. Hoje moro no Texas onde trabalho na pratica privada e em dois hospitais onde faço minhas reabilitações com anestesia geral. 

Como você obteve seu visto de residente permanente? Houve alguma pessoa que o ajudou?

Eu tive o visto de trabalho, o H1b, que te torna elegivel ao processo do green card por 3 vezes. Na ultima vez, ja no Texas, foi quando eu iniciei o processo para minha residencia permanente nos EUA.

A parte de visto e residencia permanente na minha opiniao nao sao complicados. Uma vez que voce complete o processo para ter sua licença nos EUA, as coisas sao bem mais simples. Só requerem tempo.

Como voce descreve o processo de aplicação para ser aceito em uma instituição de ensino nos EUA?

Eh muito seleto e extremamente competitivo pois existem profissionais de todas as partes do mundo participando do processo seletivo. Eh muito difícil, como instituição, escolher quais são os melhores profissionais pois os países tem qualidades de ensino num espectro muito amplo e na maioria das vezes, o processo se torna altamente subjetivo onde o dentista que se destaca geralmente apresenta características únicas e muito fortes, as quais o farão passar na frente dessa concorrência gigantesca. Na minha primeira residência disputei o Ingresso ao programa com mais 650 candidatos. Na minha segunda residência eram 55 candidatos por vaga.

Quanto tempo de estudo você dedicou para ser aprovado no NBDE parte I e II?

5 meses para o NBDE I e 2 e 1/2 meses ara o NBDE II. Fiz o processo dos NBDE I e II juntamente com o WREB num período de 9 meses. Não tenho nenhuma saudade desse tempo.

Qual programa de Continuing Education você concluiu? Como descreveria seu tempo ali?

Eu revalidei a profissão através de residência e não Advanced Standing Program.

E quanto as provas clinicas regionais? Qual delas você fez? O que é mais importante na sua opinião saber sobre elas?

Eu fiz o WREB.

Nessa prova o dentista geralmente necessita de dois ou três pacientes para completar todas as etapas da mesma durante 3 ou 4 dias de prova. O mais importante e o maior desafio dessas provas são conseguir os pacientes certos para as mesmas. Conhecer bem o paciente e ter um relacionamento clinico de confiança são primordiais para você poder convidar essa pessoa para ser o paciente da sua prova.

O dentista deve estar altamente preparado para as provas, conhecer completamente o regulamento e não abrir margem para possíveis complicações. Ter pacientes reservas e uma boa assistente são fundamentais para evitar problemas.

Como você compararia a Odontologia exercida no Brasil comparado aos EUA?

Eu creio que a profissão eh muito mais digna e exercida de forma muito mais ética nos EUA. A abrangência de procedimentos e recursos são bem mais amplas, especialmente na minha especialidade, onde disponho de vários recursos para proporcionar o tratamento ao meu paciente.

Como a profissão eh muito rentável, o dentista pode investir em novos produtos, tecnologias e reciclagem professional com muita frequência.

Os colégios das especialidades e associações nos EUA são muito fortes e na maioria proporcionam um apoio ao professional que não vemos em muitos países. Os nossos conselhos regionais e ABO tem muito a aprender com as instituições americanas e estão décadas defasadas e todos os aspectos profissionais, clinico e jurídicos quando comparadas as instituições americanas.

 

 

 

O trabalho

O trabalho

Mera Presunção

Mera Presunção