IMG_2648.JPG

Olá!

Bem vindo ao nosso blog. Aqui eu conto um pouco sobre minhas experiências dentro da Odontologia nos EUA e o Processo de Validação do Diploma de Odontologia nos EUA. Espero que você aprenda bastante!

30 Coisas que Existem e Acontecem nos Consultórios Odontológicos Americanos

30 Coisas que Existem e Acontecem nos Consultórios Odontológicos Americanos

Tradução de Artigos Odontológicos Inglês/ Português - Clique aqui e envie um email

 

 

30 Coisas que existem e acontecem nos consultórios Odontológicos Americanos.

 

1-    Primeira consulta com pelo menos uma hora de duração.

De fundamental importância, esta primeira consulta visa a introdução do Dentista para o paciente e um minucioso processo de anamnese para coletar o máximo de informação medica. Nesta primeira consulta o Dentista faz o levantamento da condição atual da dentição e passa boa parte da consulta mostrando e explicando para o paciente a condição atual de sua dentição e o que ele pode fazer para ajudar a melhorá-la.

2-    Primeira consulta é sempre remunerada.

Pelo tempo dispendido e toda a explicação oferecida ao paciente é mais do que justo que o seu tempo seja remunerado – e muito bem remunerado. O conhecimento técnico aqui nos Estados Unidos é muito valorizado e os pacientes sabem que se o Dentista esta ali para atendê-lo, ele sairá dali com suas duvidas esclarecidas, e não somente com um papel de orçamento na mão.

3-    Radiografia da boca toda e quatro radiografias interproximais.

É simplesmente impossível elaborar um plano de tratamento sem este conjunto de radiografias. Qualquer coisa diferente disto é adivinhação, que pende para o charlatanismo.

4-    Aparelho radiográfico panorâmico.

Aqui nos EUA não existem clinicas Radiológicas Odontológicas. Na verdade existe sim, mas não como no Brasil onde o serviço radiológico é terceirizado. Mais e mais consultórios particulares vêm investindo em Imaginologia a fim de facilitar, padronizar e garantir um atendimento imediato sem que haja necessidade de enviar o paciente para outro local.

5-    Sensores digitais para radiografias.

Como parte deste investimento de imagem, os sensores radiográficos digitais servem para agilizar o atendimento, garantir a qualidade e aumentar a produtividade. Em aproximadamente cinco minutos é possível obter 18 tomadas radiográficas com precisão e qualidade.

6-    Higienistas para fazer profilaxia, raspagem e aplainamento radicular.

Esta classe de trabalho não existe no Brasil. As higienistas aqui nos EUA fazem um trabalho excepcional na qualidade e manutenção da higiene oral do paciente. As Higienistas (maioria mulheres – tenho um amigo que foge da regra) são responsáveis pelo contato junto ao paciente a cada seis meses para fazer sua consulta de reavaliação. Em casos mais complexos de acumulo de tártaro elas podem fazer o tratamento de raspagem e aplainamento radicular, sempre sob a supervisão de um Dentistas. Hoje em dia elas podem fazer a administração de anestésico local e muito competentes na administração de uma pterigomandibular para a anestesia de uma hemi-arcada.

7-    Pagamento prévio antes da consulta.

Sem pagamento não ha atendimento. Simples assim.

8-    Pagamento de multa em caso de falta.

Hoje em dia com o avanço da tecnologia de comunicação e a explosão de venda de telefones celulares é quase impossível dizer que não teve como desmarcar uma consulta ou avisar que vai chegar atrasado. Este pagamento de multa é esclarecido minuciosamente durante a assinatura do contrato antes do inicio do tratamento. Em caso de falta, na próxima consulta o paciente devera pagar pelo tratamento a ser feito mais a multa pela falta anterior. Se não o fizer não é atendido. Simples assim.

9-    Tolerância de 10 minutos para atraso.

Esta tolerância varia de consultório para consultório. Pode-se variar de 10 a 15 minutos mas o próximo tópico explica um pouco mais sobre o assunto.

10-Perda de consulta após 10 minutos de atraso e esta é considerada falta.

Caso o tempo estabelecido seja extrapolado a recepcionista é instruída a remarcar a consulta e fazer a cobrança da multa pela falta do paciente. Se não pagar no dia, na próxima consulta será lembrada pela mesma recepcionista. Se não pagar a multa não acontece o atendimento. Simples assim.

11-Duas cadeiras para atendimento.

A palavra de ordem aqui é produtividade. Uma agenda para cada cadeira. Geralmente uma delas é usada para emergências, reparos, exames e avaliações. A outra é usada para procedimentos mais elaborados. Entre uma consulta e outra a Higienista ainda pode chamar o Dentista para fazer um exame periódico no paciente em sua cadeira, checar algum achado clinico e indicar um tratamento especifico.

12-Disponibilidade garantida do material visto no catalogo.

Não existem Dentais aqui nos EUA. O material é vendido através de catalogo e os pedidos feitos através de representantes ou pela internet. Caso o Dentista necessite de um material de maneira mais rápida, ele entra em contato com o representante pelo telefone. No caso de pedidos mensais para reposição de estoque a Auxiliar é capaz de fazer o pedido pelo computador. O Dentista geralmente não se envolve neste processo de pedido mensal e as vezes nem mesmo em pedidos emergenciais. É papel da Auxiliar verificar a quantidade de material disponível e o que deve ser pedido. O Dentista exige o material em mãos quando necessário, caso contrario ele saberá que a sua Auxiliar não esta trabalhando como deveria.

13-Entrega de material garantido em até 2 dias.

Em terra de FEDEX e UPS é muito fácil imaginar que um material pedido do outro lado do pais chegara na hora marcada  quando determinado. Não tem erro. É muito difícil estas duas agencias falharem na entrega de material.

14-Obrigatoriedade da conclusão de 40 créditos de Educação Continuada a cada dois anos para haver a revalidação da licença de trabalho.

Isso é muito bom porque obriga o profissional a buscar conhecimento. Seja online ou em cursos presenciais estes créditos são a garantia dos Boards of Dentistry que seus profissionais estão buscando conhecimento a fim de melhorar seu atendimento e a qualidade de trabalho.

15-Agencia Governamental inspecionando a emissão de receita de medicamento.

Muito famosa em filmes de Hollywood a DEA (Drug Enforcement Agency) tem o cadastro de todos os profissionais que são habilitados a prescrever medicamentos. Caso algum deles tenha um desvio muito grande na quantidade de determinado medicamento controlado, eles vão atrás para saber o que esta acontecendo com aquele Dentista e o paciente.

16-Cadastro junto ao Governo Federal para emissão de receita medica.

Como Dentista você tem o poder de receitar qualquer medicamento. Este cadastro serve para se ter um controle mais preciso sobre os profissionais que emitem receitas.

17-Respeito por parte dos pacientes ao que o Dentista fala.

Isso foi uma coisa que me chamou muito a atenção logo que comecei a trabalhar aqui nos EUA. Você sente que esta tendo toda a atenção por parte do paciente e sente que sua palavra tem realmente peso na vida dele.

18-Seguro de responsabilidade civil.

Na terra dos processos civis é muita irresponsabilidade não ter ao seu lado um bom seguro de responsabilidade contra má-pratica. Estes seguros abrangem uma gama muito grande de procedimentos e é oferecida por outra gama enorme de agencias, empresas e companhias de seguro.

19-Protocolo de manutenção de material e equipamento.

Em cada consultório existe uma pasta onde a visita do técnico é planejada antecipadamente. Entre uma vez por mês ou trimestralmente o técnico pode visitar o consultório para fazer uma checagem completa no material e equipamento para ter certeza que tudo esta  em ordem. Em caso de emergência as companhias de manutenção tem sempre um técnico a disposição para uma visita.

20-Cadeiras ambidestras.

Esta realmente foi uma grata surpresa para mim  que sou canhoto. Quantas vezes precisei adaptar meu trabalho enquanto no Brasil, passando mangueira de sugador por cima do peito do paciente, mangueira de canetas de alta e baixa rotação pelo mesmo caminho. A engenharia das cadeiras Odontologicas aqui visa a possibilidade de um atendimento sem qualquer impedimento por dentistas destros ou canhotos.

21-Ausência de cuspideiras.

Em quase uma semana de trabalho eu pude perceber que cuspideira é a parte mais antiga, retrograda e subdesenvolvida de um equipo Odontologico. Uma Auxiliar competente e presente remove qualquer quantidade de agua e saliva do campo operatório, colocando aquelas pias nojentas de porcelana no lugar  delas: no lixo.

22-Maquina de revelação de filme radiográfico onde não é adotado radiografia digital.

Este é para quem não quis investir no sensor radiográfico digital. Apos as radiografias estarem feitas, estas maquinas de revelação revelam múltiplos filmes padronizando o processo e melhorando a qualidade dos filme radiográficos.

23-Bomba a Vácuo.

Uma Auxiliar competente não pode fazer o seu trabalho somente com a potencia de um compressor. As bombas a vácuo, ainda que ja existentes no Brasil ha muito tempo, não são peças de luxo dentro do consultório. É item básico.

24-Três planos de tratamento oferecido ao paciente para sua escolha.

Pelo menos dois. Estes planos são explicados detalhadamente pelo dentista durante aquela hora dedicada à primeira consulta mencionado anteriormente. Com estes planos de tratamento detalhados, selecionados e assinados pelo paciente o Dentista se precavê de fazer um atendimento desnecessário.

25-Planejamento prévio para a próxima consulta.

O paciente faz o seu agendamento sabendo o que será feito na próxima consulta. Ao se levantar da cadeira o Dentista poe no sistema o próximo tratamento a ser feito. Agindo desta forma, facilita o trabalho das recepcionistas responsáveis pelo agendamento.

26-Consultórios informatizados e conectados em rede.

O uso de papel vem diminuindo mais e mais. Todo o papel utilizado é escaneado e posteriormente destruído por empresas especializadas em destruição de documentos médicos.

27-Narcóticos.

Um mal que assola vários estados norte-americanos é o uso e prescrição sem critério e deliberada de medicamentos opióides e narcóticos. Muitos pacientes desenvolvem dependência destes remédios apos consultas de extração dos dentes do siso. Isso pode causar um problema muito serio para os pacientes e suas famílias. É um mal que deve ser combatido duramente, e na minha opinião deve ser interrompido na raiz do problema: a emissão de receitas.

28-Fita adesiva para embalar material com descrição do material para melhor identificação.

Esta é muito boa, porque as fitas adesivas com marcador de esterilização aqui nos EUA tem em seu corpo a inscrição de qual material ela esta. Fitas adesivas com AMALGAM, PERIO,  C&B (Crown and Bridge), COMPOSITE são uma forma muito barata e eficiente para separar e estocar as caixas de material.

29-Brocas descartáveis.

Ainda que muitos achem um absurdo e eu mesmo ter dito isto a um professor na faculdade, hoje eu vejo que ele tinha razão ha 15 anos. Não existe coisa melhor que fazer o atendimento de qualquer paciente que seja com uma broca que esta cortando como nova. Ao final do procedimento você sabe que aquela broca agora é um pedaço de metal sem corte e ineficiente. Com a chegada do novo paciente você sabe que terá uma broca nova.

30-Luvas sem látex.

 

Alergia a látex para mim foi um coisa que me chamou a atenção quando comecei a trabalhar aqui nos EUA. Em 10 anos de trabalho no Brasil eu não me lembro de um único paciente que tivesse mencionado ser alérgico a látex. Aqui as luvas são de NITRILE – látex free – e são de uma textura e conforto impressionantes. As chances de criar um problema inexistente no paciente nesta parte de alergia praticamente inexiste. Muitos consultórios como politica de trabalho não adotar luvas com látex e mais e mais as companhias tem investido nas alternativas Latex-Free.

National Board Dental Examiners parte I - Testemunho de uma Leitora

National Board Dental Examiners parte I - Testemunho de uma Leitora

Opções para Trabalhar como Dentista nos EUA

Opções para Trabalhar como Dentista nos EUA